Auxilio Doença Acidentário

Todo cidadão que paga seus impostos em dia, sabe de seus deveres, deve ter conhecimento também de seus direitos. Para os que não sabem, o auxílio doença acidentário é um benefício dado ao segurado que está impossibilitado de trabalhar por motivo de doença ou acidente, por mais de 15 dias corridos.

Se o cidadão tem carteira de trabalho assinada, os primeiros 15 dias devem ser pagos pelo empregador, e a partir do 16º dia a responsabilidade do pagamento passa a ser da previdência Social (este processo não se encaixa para empregados domésticos, que recebem da Previdência Social desde o primeiro dia).

Para se ter direito ao recebimento do auxílio é necessária a comprovação da incapacidade, através de um exame realizado pela perícia médica da Previdência Social. Além disso, a pessoa tem que ter contribuído para a Previdência Social por, no mínimo, 1 ano (carência). O prazo não se aplica aos casos de acidente de qualquer natureza ou de doença profissional ou do trabalho.

Para receber o auxílio de forma continuada, o trabalhador precisa realizar o exame médico periódico e, em caso de evidência de impossibilidade de retorno a atividade exercida anteriormente, ela deve participar do programa de reabilitação profissional.

A partir do momento que o segurado se recupera, ela deixa de receber o auxílio doença e volta a sua atividade anterior ou quando o benefício se transforma em aposentadoria por invalidez.

Em caso de dúvida o cidadão pode entrar em contato direto com a Previdência Social para esclarecer suas dúvidas, através do site  http://www.mps.gov.br/conteudoDinamico.php?id=21

 

 

 

 

 

 





Autora da matéria :

Add a Comment

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *