Rio São Francisco – Nascente Resumo Fotos

O rio São Francisco tem 3.160 quilômetros de comprimento . É o quarto maior rio na América do Sul e o maior rio totalmente dentro do Brasil. Ele começa no estado de Minas Gerais. Ele corre para o norte por trás da faixa costeira drenando uma área de mais de 630.000 quilômetros quadrados antes de virar a leste em direção a fronteira entre o estado da Bahia e os estados de Pernambuco e Alagoas antes de entrar no Oceano Atlântico entre os estados de Alagoas e Sergipe.

O rio São Francisco é tão importante no Brasil que é chamado o rio da integração nacional. É fundamental para os brasileiros do Nordeste, porque ele passa por cinco estados que estão localizados na mais populosa região semi-árida do planeta, mais de 20 milhões de pessoas vivem no Sertão. Os sertanejos, que vivem nesta região, são tão ligadas a este rio que existem centenas de mitos, canções e poemas em homenagem ao Velho Chico, como o rio é carinhosamente chamado.

O rio São Francisco nasce a cerca de 730 metros acima do nível do mar na encosta oriental da Serra da Canastra, no sudoeste do estado de Minas Gerais, cerca de 150 quilômetros a noroeste da cidade de Belo Horizonte. O rio flui por mais de 1.600 quilômetros para o norte através dos estados de Minas Gerais e Bahia, através do Reservatório de Sobradinho, com destino as cidades gêmeas de Juazeiro e Petrolina. Neste trecho o rio recebe seus principais afluentes da margem esquerda, os rios-Paracatu, Urucuia, Corrente e Grande (Grande Rio) e seus principais afluentes da margem direita, o Verde Grande, Paramirim e Jacaré.

Cerca de 100 quilômetros abaixo de Petrolina, o São Francisco começa uma grande curva para o nordeste e entra em um trecho de corredeiras e quedas com  480 quilômetros de comprimento. Nesta secção, o rio alcança a fronteira entre os estados da Bahia ao sul e ao norte de Pernambuco. As corredeiras superiores são navegáveis durante os períodos de maré alta, mas abaixo de Petrolina o rio é intransponível. O curso do rio São Francisco recebe então os rios São Pedro, Ipueira e Pajeú, culminando com as grandes quedas de Paulo Afonso. No topo das quedas, o rio se divide, de repente e violentamente e corta três quedas sucessivas através das rochas de granito para uma queda total de cerca de 83 metros.
A bacia inferior do rio São Francisco tem o clima quente e seco. A temperatura máxima média da região é de 33 ° C e a mínima de 19 ° C. Os ventos predominantes são do sudeste, leste e nordeste. Chuvas são deficientes na maior parte da área, e a seca é freqüente.Porque o rio São Francisco corre através da região mais seca do Brasil, ele está sujeito a mudanças sazonais no nível de água. A maioria dos seus afluentes secam durante a estação seca.

As usinas hidrelétricas da bacia do São Francisco são responsáveis por grande parte do fornecimento de energia para o nordeste. Há 33 usinas em operação – nove no Rio São Francisco em si. Além disso, as barragens também são utilizadas para abastecimento e irrigação.

 

 

 

 

 

 





Autora da matéria :

Add a Comment

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *