Psicologia Infantil

Psicologia infantil 1

Psicologia Infantil depende de vários aspectos

Psicologia infantil é um dos muitos ramos da psicologia e uma das áreas de especialidade mais freqüentemente estudados. Este ramo específico centra-se na mente e no comportamento de crianças do desenvolvimento pré-natal até a adolescência. Psicologia infantil trata não só a forma como as crianças crescem fisicamente, mas o seu desenvolvimento mental, emocional e social.

Historicamente, as crianças eram muitas vezes vistss simplesmente como versões menores dos adultos. Quando Jean Piaget sugeriu que as crianças realmente pensam de forma diferente do que os adultos, Albert Einstein declarou que a descoberta foi “tão simples que só um gênio poderia ter pensado nisso.”

Hoje, os psicólogos reconhecem que a psicologia da criança é única e complexa, mas muitos diferem em termos de perspectiva única quando se aproxima do desenvolvimento. Especialistas também diferem em suas respostas a algumas das maiores questões da psicologia infantil, como o fato das primeiras experiências não serem mais importantes do que as posterioes, ou se a natureza ou a criação desempenham um papel maior em certos aspectos do desenvolvimento.

Os diferentes contextos de Psicologia da Criança

Quando você pensa em desenvolvimento, o que vem à mente? Se você é como a maioria das pessoas, provavelmente você pensa sobre os fatores internos que influenciam o modo como a criança cresce, como genética e características pessoais. No entanto, o desenvolvimento envolve muito mais do que as influências que surgem de dentro de um indivíduo. Fatores ambientais, tais como as relações sociais e a cultura em que vivemos também desempenham papéis essenciais.

Alguns dos principais contextos que devemos considerar em nossa análise da psicologia infantil incluem:

– O contexto social: relacionamentos com colegas e adultos têm um efeito sobre como as crianças pensam, aprendem e se desenvolvem. Famílias, escolas e grupos todos compõem uma parte importante do contexto social.

– O Contexto Cultural: A cultura em que uma criança vive contribui para um conjunto de valores, costumes, suposições compartilhadas e modos de vida que influenciam o desenvolvimento ao longo da vida. A cultura pode desempenhar um papel na forma como as crianças se relacionam com seus pais, o tipo de educação que recebem e o tipo de cuidado recebido.

– O contexto sócio-econômico: A classe social também pode desempenhar um papel importante no desenvolvimento da criança. O nível socioeconômico, é baseado em um número de diferentes fatores, incluindo o quanto as pessoas têm educação, quanto dinheiro elas ganham, o cargo que ocupam e onde vivem. Crianças criadas em famílias com nível socioeconômico elevado tendem a ter maior acesso a oportunidades, enquanto os de famílias com nível socioeconômico mais baixo podem ter menos acesso a coisas como os cuidados de saúde, nutrição e educação de qualidade. Tais fatores podem ter um impacto importante sobre a psicologia infantil.

Lembre-se, todos os três contextos estão constantemente interagindo. Enquanto uma criança pode ter menos oportunidades, devido ao baixo nível socioeconômico, enriquecendo as relações sociais e os fortes laços culturais podem ajudar a corrigir esse desequilíbrio.

Psicologia infantil engloba uma ampla gama de temas, desde as influências genéticas sobre o comportamento das pressões sociais sobre o desenvolvimento. Alguns dos grandes temas que são essenciais para o estudo da psicologia da criança são: genética, influências ambientais, desenvolvimento pré-natal, srescimento social, desenvolvimento da personalidade, linguagem, desenvolvimento cognitivo e desenvolvimento sexual.

Entender o que faz com que as crianças carrapato é uma tarefa enorme, por isso o estudo da psicologia da criança é ao mesmo tempo ampla e profunda. O objetivo final deste campo é estudar as influências que combinam e interagem para ajudar a tornar as crianças o que elas são e usar essas informações para melhorar a paternidade, educaçãi, escolas e outros áreas  voltadas para beneficiar crianças. Por ter uma compreensão sólida como as crianças crescem, pensam e se comportam, os pais e profissionais que trabalham com crianças podem ser melhor preparados para ajudar as crianças sob seus cuidados.

preschoolers

Psicologia infantil 3

Psicologia infantil 4

Psicologia infantil 5





Autora da matéria :

Add a Comment

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *