Platelmintos – Doenças Características Gerais

Platelmintos são  vermes e recebem o nome pelo fato de serem dorsoventralmente achatado. Alguns são ovais ou em forma de folha, enquanto outros, como o tapeworms, são alongadas. Eles variam em comprimento de quase microscópicos amais de 50 mm. Esses vermes são bilateralmente simétricos com as extremidades anterior e posterior. Contam com sistema nervoso bem desenvolvido associados a elementos sensoriais e motoras dos nervos. Esses vermes ocupam muitos nichos em todo o mundo. A incapacidade dos platelmintos de sintetizar os ácidos graxos e esteróis podem explicar a sua necessidade de estabelecer relações simbióticas.

Há cerca de 20.000 espécies desse grupo. Eles são encontrados em muitos lugares e podem ser de vida livre ou parasitária. O platelminto mais conhecido é a tênia, que pode entrar no trato digestivo de uma pessoa e crescer vários metros. A tênia, em seguida, come do que seu hospedeiro ingere e conforme vai crescendo vai necessitar de mais alimento, sendo um grande perigo a saúde humana.

Outra doença causada por platelmintos é a esquistossomose. Quando o Shistosoma mansoni se aloja no sistema hepático do ser humano causa hemorragias e conseqüente edema (barriga d’água); urrose hepática.


 

 






Autora da matéria :

Add a Comment

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *