Espelho – Convexo Concavo Magico

Todos os materiais refletem parte da luz que cai sobre eles. Os espelhos refletem a luz  porque eles são lisos e brilhantes. A história dos espelhos remonta aos tempos antigos, quando pela primeira vez a humanidade viu reflexos em uma lagoa ou rio, fato que foi considerado como magia. Os espelhos têm uma longa história de uso como objeto de casa e como objeto de decoração. Muito antes de o homem ser capaz de fazer espelhos de vidro, espelhos de metal foram utilizados. Os primeiros espelhos foram espelhos de mão. Aqueles com grande  suficiente para refletir todo o corpo só apareceram no primeiro século dC. Depois o de vidro foi utilizado em combinação com metais como mercúrio, estanho e chumbo para criar espelhos. Hoje o vidro, combinando com metal e um toque de design são utlizados na confecção dos espelhos. Espelhos de vidro feito com revestimento liso com folha de prata ou ouro são da época romana e o inventor é desconhecido. Um espelho plano, reflete a luz sem alterar a imagem. Um espelho convexo se parece com uma tigela de cabeça para baixo, em um espelho convexo objetos parecem maiores no centro. Em um espelho côncavo que tem uma forma de bacia, os objetos parecem menores no centro. O espelho côncavo parabólico é o elemento principal de um telescópio refletor. O espelho de duas vias foi originalmente chamado de “espelho transparente “. Assim como um espelho comum, há um revestimento de prata no vidro de um espelho de duas vias que, quando aplicado na parte de trás do vidro torna o vidro opaco e reflexivo sobre a sua face sob condições normais de luz. Mas ao contrário de um espelho comum, um espelho de duas vias é transparente quando a luz forte atinge sua parte de tras.





Autora da matéria :

Add a Comment

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *