Dieta na Gravidez – Riscos perda e ganho de peso

Os nutricionistas fazem uma dieta para cada gestante, com base no peso da gestante, no pré natal se é de risco ou não, se a gravidez é de gêmeos ou triplos, o desenvolvimento mensal também pode afetar as alterações da dieta entre outros.

Para quem esta planejando engravidar é importante procurar seu medico e solicitar o uso de ácido fólico que previne a má formação do sistema nervoso central, como anencefalia e espinha bífida, deve-se começar a tomar três meses antes de engravidar.

A gravidez é a fase mais bela da vida de uma mulher. Ele traz mudanças sobre emocionais e fisiológicos, bem como coloca exigências extras sobre o corpo. Nesta fase, o corpo precisa de alimentação extra para o desenvolvimento do feto, de si mesma e do período de lactação a seguir. Estas exigências nutricionais devem ser atendidas para que nasça uma criança saudável.

A dieta durante, a gravidez tem de ser rica e equilibrada em calorias, proteínas, vitaminas e minerais. As necessidades variam nos três trimestres. Geralmente, o período de gestação é de aproximadamente 40 semanas medidos a partir do último ciclo menstrual da mãe.

As necessidades energéticas do corpo são aumentadas dentro dos três trimestres da gestação da seguinte forma:

Primeiro trimestre (1 a 12 semanas) – 10 kcal / dia
2 º trimestre (13 a 27 semanas) – 90 kcal / dia
3 º trimestre (27 a 40 semanas) – 200 kcal / dia.

Essas calorias são necessárias para atender às crescentes demandas do feto e da mãe, bem como para acumular reservas de gordura que funcionam como reservas durante a lactação e quando normalmente necessário. Ganho de peso considerável durante a gravidez deve ser entre 10 a 14 kg.

 

 

 

 





Autora da matéria :

Add a Comment

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *