Dicas para Esmalte Antialérgico

Dicas para Esmalte Antialérgico 1

Esmalte pode causar reação alérgica grave

O esmalte pode embelezar as unhas, mas pode rapidamente se transformar em um pesadelo se você for alérgica a algum ingrediente na composição do esmalte. Uma alergia a esmalte é classificada como dermatite de contato, porque ele resulta do contato direto com a substância que você é alérgica. O esmalte contém uma série de substâncias químicas que podem causar uma reação alérgica. É importante consultar um médico imediatamente se os sintomas de alergia ao esmalte incluirem dor de cabeça, porque isso pode ser um sinal de uma reação séria chamada de anafilaxia.

A dermatite de contato também é chamada de reação de hipersensibilidade retardada porque geralmente é preciso ser exposto à substância agressora ou alérgeno varias vezes, antes dele produz uma reação alérgica. No primeiro contato, o alérgeno é absorvido em sua pele e células imunológicas denominadas linfócitos T, que geram células de memória para reconhecer o alérgeno como nocivas exposições subseqüentes. Uma alergia a esmalte de unha também é muitas vezes atribuída a maquiagem para os olhos ou produtos para cuidados da pele, porque os sintomas iniciais são geralmente expressos em torno de suas pálpebras, face, orelhas e pescoço.

Esmaltes para unha contém diversos produtos químicos que podem desencadear uma reação alérgica. Você pode ser alérgica a substâncias que existem na compisção da base incolor, do corante do esmalte, ou endurecedor de unhas. Produtos químicos encontrados frequentemente no esmalte que podem produzir alergias incluem resina tolueno sulfonamida formaldeído, ou TSFR; resina de formaldeído, resina termoplástica, e níquel. Se você tem alergia a qualquer um dos produtos químicos encontrados na composção do esmalte, antes de comprar, você precisa ler o rótulo do produto com cuidado para verificar a lista de ingredientes. Tolueno, formaldeído sulfonamida são os alergenos mais comuns encontrados no esmalte.

Para atender as pessoas que são alergicas, as diversas marcas de esmalte já possuem linhas de esmaltes (com grande variedade de cores) antialergico ou hipoalergênicos ou, então, com fórmula livre de tolueno e formaldeído.

Apesar de custarem um pouco mais caro, os esmaltes hipoalergênicos costumam ser eficazes, na maioria dos casos.

Uma vez que você é sensível a um ou mais dos alérgenos químicos do esmalte, os sintomas geralmente aparecem ao redor dos olhos e pálpebras. Isso acontece porque a fragrância que o esmalte exala em direção a seus olhos e rosto, especialmente se você faz suas próprias unhas, entram em contato com a pele ao redor dos olhos. Tocar os olhos ou o rosto antes das unhas estarem completamente secas também podem produzir sintomas.

A anafilaxia (reação alergica grave) produzem sintomas como: dificuldade respiratória, pressão arterial baixa, vômitos, confusão mental e perda de consciência.

Dicas para Esmalte Antialérgico 2 Dicas para Esmalte Antialérgico 3 Dicas para Esmalte Antialérgico 4 Dicas para Esmalte Antialérgico 5





Autora da matéria :

Add a Comment

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *